Passado/Presente

a construção da memória no mundo contemporâneo

Archive for the ‘Notícias’ Category

História e fotografia em exposição

Posted by passadopresente em 08-12-2007

O Museu de Fotografia de Reiquiavique, na Islândia, tem em exibição a exposição de fotojornalismo Afternoon Press Photography in Iceland: 1960-2000, uma retrospectiva que materializa a fotografia como suporte documental da recuperação narrativa da história do passado recente daquele país.

Na origem do projecto encontra-se o conceito de fotografia jornalística enquanto objecto simultaneamente estético e documental, que, pela sugestão e pela evocação concisa e permanente, resgata fracções de segundo de momentos que são parte integrante da história. Como referiu Susan Sontag, o jornalismo fotográfico tem desempenhado um papel insubstituível na forma como condiciona e influencia a nossa percepção dos eventos contemporâneos.

[por Sandra Guerrero Dias] [continua aqui>>]

Posted in Notas, Notícias | Leave a Comment »

1968, quarenta anos depois

Posted by Miguel Cardina em 02-10-2007

A revolta de «Maio», em Paris, tem funcionado como uma metáfora desse ano tumultuoso de 1968, caracterizado por um impressionante conjunto de acontecimentos políticos que ajudaram a transformar a face de um mundo que parecia, à superfície, adormecido na modorra da Guerra-Fria. Em 2008, quarenta anos passados sobre a data, uma série de iniciativas académicas pretendem questionar o legado e as implicações desse tempo. Assim, entre 15 e 17 de Abril decorre em Paris, no Institut National de l’Audiovisuel, o encontro «Images et sons de Mai 68». A 17 e 18 de Abril, na Universidade de Leeds, é a vez da conferência «Memories of 1968: International Perspectives». Também na Inglaterra, e a 3 e 4 de Julho, a Universidade de Londres propõe a discussão de um amplo painel de temas centrado nos impactos e implicações de 1968. De âmbito mais genérico é a escola de Verão sobre «Peace and Protest Cultures in Europe, 1945-1989» que decorre em Praga entre 18 e 25 de Agosto. Por fim, em Linz, na Aústria, desenrola-se de 11 a 14 de Setembro a conferência «1968 — A view of the protest movements 40 years after, from a global perspective».

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Uma futura revista sobre os «anos sessenta»

Posted by Miguel Cardina em 13-07-2007

Os «anos sessenta» têm sido alvo de uma crescente atenção por parte de investigadores e académicos das mais variadas áreas do saber. Assim, e confirmando essa tendência, a Routledge irá publicar, a partir de 2008, The Sixties, a journal of History, Politics and Culture, revista inteiramente dedicada ao assunto. Editada por Jeremy Varon, Michael S. Foley e John McMillian, a futura publicação procurará abordar os «longos anos sessenta» (1954-1975) numa perspectiva comparativa e transnacional. Para os interessados, aqui fica a informação necessária para o envio de propostas de artigo, aceites até 1 de Outubro de 2007.

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Arquivos da CIA desclassificados

Posted by Tiago Barbosa Ribeiro em 27-06-2007

Entre as fontes mais ricas de dados primários sobre o nosso passado recente incluem-se os arquivos de Estados, agências de informação e outras estruturas centrais que acompanharam ou intervieram directamente nos acontecimentos das últimas décadas, precisamente em relação aos quais o conhecimento histórico só agora começa a trabalhar. É por isso relevante noticiar que a agência norte-americana CIA disponibilizou recentemente no seu site milhares de documentos outrora classificados que detalham as suas actividades entre as décadas de 1950 e 1970. A pesquisa pode ser feita a partir daqui.

 :: Adenda :: O New York Times inaugurou um blogue para analisar alguns destes documentos.

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Memória dos tempos radicais

Posted by passadopresente em 17-06-2007

Saído inicialmente em dois números do jornal Público, encontra-se no blogue Estudos Sobre o Comunismo, em versão desenvolvida, o texto Memória dos Tempos Radicais, de José Pacheco Pereira, no qual é abordada a recente vaga de publicação de livros de memórias assinados por antigos militantes da esquerda radical portuguesa das décadas de 1960-1970.

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Entre as Brumas da Memória em Coimbra

Posted by passadopresente em 03-06-2007

Na última 5a. Feira, 31 de Maio, a Livraria Almedina e as Ideias Concertadas organizaram em Coimbra uma sessão de apresentação de Entre as Brumas da Memória – Os Católicos Portugueses e a Ditadura, de Joana Lopes. Participaram Rui Bebiano (cuja intervenção pode ser lida aqui), José Dias e a autora. No final, um intenso debate ajudou a tornar evidente que este livro vem preencher uma lacuna no conhecimento do nosso passado recente e a perspectivar algumas ligações entre esse passado e a actualidade.

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Contrabando e emigração

Posted by Rui Bebiano em 28-04-2007

Serão diversos os motivos invocados por diversas instituições autárquicas, ou por alguns grupos de cidadãos, para construírem os pequenos núcleos museológicos que se têm multiplicado pelo país. Em alguns dos casos, reconhece-se um genuíno interesse pela conservação de determinados sinais do passado, ou de objectos de natureza artística, e pela sua transformação em sinais da afirmação identitária de alguns localismos. Em outros, mais negativamente, detecta-se o desejo de criar algo artificialmente um pólo de atracção turística ou de justificar rubricas orçamentais. Os resultados serão desiguais e não se devem medir apenas pela dimensão da cada um desses espaços: mais importante será aferir do seu efectivo interesse, da sua coerência e da sua capacidade de conservação e de catalogação. Todos nós entrámos já em alguns que não passam de simples «amontoados» de «coisas antigas», dispostas de forma caótica e contendo referências inexactas (quando não inexistentes). Outros possuem um bom acervo, mas não dispõem de técnicos e de funcionários à altura. Um caso curioso, pela originalidade temática, é o do Museu do Contrabando e da Emigração Clandestina, inaugurado ontem em Melgaço. Sem hipótese ainda de o visitar e, por isso, de poder formular uma opinião, aqui fica para já a referência.

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Os jornais e o 25 de Abril – o 25 de Abril nos jornais

Posted by passadopresente em 27-04-2007

Com o intuito de assinalar ou comemorar datas e acontecimentos de relevância nacional e de interesse histórico, político e/ou cultural, no âmbito do projecto “Revelar LX” e da programação cultural da Hemeroteca Municipal, esta disponibiliza regularmente conteúdos digitalizados de documentos que marcaram a história do país. O fim da censura política do Estado Novo possibilitou a multiplicação de novas publicações, sobretudo jornais filiados em partidos ou movimentos políticos. Os anos de 1974 e 1975 foram particularmente férteis, com a esquerda e a extrema-esquerda a evidenciarem-se neste campo.

Para assinalar o 33.º aniversário da Revolução dos Cravos, a Hemeroteca põe à nossa disposição, no seu site, títulos históricos da imprensa portuguesa que surgiram logo a seguir à revolução de 25 de Abril de 1974. Tratam-se dos primeiros números das publicações Luta Proletária, órgão da LCI (Liga Comunista Internacionalista), Esquerda Socialista, do MES (Movimento de Esquerda Socialista), Voz do Povo, da UDP (União Democrática Popular), Luta Popular, órgão central do MRPP (Movimento Reorganizativo do Partido do Proletariado), A Verdade, do PUP (Partido da Unidade Popular) e Revolução, ligado ao PRP – BR (Partido Revolucionário do Proletariado – Brigadas Revolucionárias). A Hemeroteca disponibiliza ainda o olhar da imprensa no próprio dia e no dia seguinte à Revolução, permitindo ao leitor analisar o que se escreveu imediatamente a seguir. Podem ser observadas notícias d’ A Capital, Diário de Lisboa, Diário Popular e República. [por Alexandra Silva]

Posted in Notícias, Vária | Leave a Comment »

Congresso sobre os Sixties

Posted by Miguel Cardina em 19-04-2007

New World Coming – The Sixties and the Shaping of Global Consciousness é o título do congresso que, entre 13 e 16 de Junho, irá reunir em Kingston (Canadá) centenas de participantes apostados em discutir o significado e a importância dos anos sessenta na definição de novos modelos políticos, sociais e comportamentais. Organizado pela Queen’s University, o evento pretende cruzar diferentes enfoques disciplinares em torno de temáticas como a descolonização e os movimentos de libertação no Terceiro Mundo, a nova esquerda e a reconfiguração das formas de activismo, a emergência da juventude como novo actor social, a problematização social do género e da raça ou os contornos das mutações culturais ocorridas durante a década.
O programa provisório pode ser consultado aqui.

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Coimbra entre a tradição e a mudança

Posted by Rui Bebiano em 03-04-2007

pp Entre 3 de Abril e 28 de Maio decorre em Coimbra, na Livraria Almedina – Estádio, um ciclo de debates sobre «Coimbra: Passado no Presente». Neles se abordará o impacto produzido por sucessivos momentos de mudança numa cidade cuja identidade permanece ainda, em larga medida, vinculada ao peso da tradição.

As sessões começam às 21 horas e terão lugar nos dias 3 de Abril («Uma Memória Visual», com Alexandre Ramires e Nuno Rosmaninho Rolo), 17 de Abril («A Cidade dos Estudantes», com Abílio Hernandez Cardoso e Miguel Cardina), 15 de Maio («A Invenção da Cidade», com Cristóvão de Aguiar e Rui Bebiano) e 28 de Maio («Coimbra, Anos 80», com António Augusto Barros e João Bicker). A organização é das Ideias Concertadas e da Almedina.

Posted in Notícias | Comentários Desativados em Coimbra entre a tradição e a mudança

Conferências na Fundação de Serralves

Posted by passadopresente em 19-03-2007

De 1 de Março a 13 de Dezembro de 2007, o auditório de Serralves acolhe relevantes figuras, a nível mundial, dos campos da filosofia, da biologia, da educação e do pensamento político contemporâneos, num ciclo de doze conferências internacionais dedicadas a essas temáticas e subordinadas ao tema Crítica do Contemporâneo. Conferências Internacionais da Fundação de Serralves. De acordo com a carta de apresentação da Fundação Serralves, o objectivo destas Conferências é «trazer a Serralves uma série de discursos que possam entrar na categoria dos diagnósticos do presente», levando obras dos convidados que partilham a característica «se confrontarem com a contingência dos acontecimentos do nosso tempo, procurando traçar uma cartografia das tonalidades afectivas, políticas e sociais que nos governam, ajudar a perceber as transformações, as inflexões e as linhas de fuga que ocorrem em vários planos da nossa realidade».

No bloco sobre biologia reflectir-se-á, perante os recentes avanços neste domínio do conhecimento, concretamente da genética, sobre os resultados que alteraram a forma de nos olharmos e aos outros. O ciclo de conferências sobre política é orientado por uma lógica de diagnóstico e de observação crítica do presente. Por sua vez, o ciclo de conferências-debate sobre educação ilustrará a contemporaneidade da educação e o papel do professor e do aluno na complexidade do mundo actual. Os comissários são António Amorim (biologia), António Guerreiro (política) e Alberto Amaral (educação), sendo coordenador do evento Rui Mota Cardoso.

A FNAC Coimbra receberá no próximo dia 26 de Março, pelas 21h30m, a apresentação deste ciclo em Coimbra, contando com a presença dos comissários envolvidos. Mais informações podem ser encontradas aqui. [Alexandra Silva]

Posted in Notícias | 1 Comment »

ESSHC 2008

Posted by Miguel Cardina em 15-03-2007

A sétima edição do European Social Science History Conference, organizado pelo International Institute of Social History será realizada em Portugal, na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa, entre 27 de Fevereiro e 1 de Março de 2008. A organização aceita propostas de artigos até ao próximo dia 1 de Abril.

Posted in Notícias | Leave a Comment »

Arquivo desclassificado

Posted by Tiago Barbosa Ribeiro em 04-02-2007

No passado dia 27 de Janeiro, data internacional em memória das vítimas do Holocausto, o Memorial do Holocausto de Buchenwald disponibilizou um arquivo digital com mais de 600 fotografias inéditas.

Buchenwald - Arquivo desclassificado Buchenwald - Arquivo desclassificadoBuchenwald - Arquivo desclassificado

Este arquivo resulta de um esforço de investigação para contrariar alguma dispersão no material existente, com uma catalogação individual de cada fotografia e a inclusão de vários dados que contextualizam a imagem num campo de extermínio onde foram assassinadas mais de 50.000 pessoas, sobretudo judeus. Para consultar aqui.

Posted in Notícias | 1 Comment »

Arquivos policiais dos regimes comunistas

Posted by passadopresente em 10-01-2007

Numa altura em que se multiplicam as notícias sobre o envolvimento com os antigos aparelhos repressivos de diversas figuras públicas da Europa central e do leste, vale a pena conhecer o «estado da arte», feito pela BBC Online, sobre a actual situação no que se refere à salvaguarda e ao acesso aos arquivos policiais dos regimes comunistas. Publicamo-lo aqui (em inglês).

Posted in Notícias | Leave a Comment »

A fala como fonte

Posted by Miguel Cardina em 29-10-2006

Sob o lema História Oral, História Viva, decorreu no Porto, entre os dias 26 e 28 de Outubro, o I Congresso Internacional de História Oral, organizado pelo Departamento de História da Faculdade de Letras da Universidade do Porto. Perto de uma centena de participantes assistiram a um leque variado de conferências, centradas nas potencialidades e desafios que se colocam à história oral, entendida não como um qualquer (novo) domínio específico da história, mas uma metodologia de recolha de memórias «vivas» que os historiadores, nomeadamente aqueles que procuram abordar os tempos mais recentes, podem e devem usar na sua construção narrativa.

De acordo com António Montenegro e Regina Guimarães, que orientaram um workshop na última tarde de trabalhos, a conquista da legitimidade epistemológica desta metodologia está associada ao questionamento de uma concepção de história baseada no estabelecimento do «facto» e, de um modo mais geral, à crise do modelo clássico de ciência e das noções inerentes de objectividade, neutralidade, evidência e distanciamento. As concepções construtivistas do conhecimento, chamando a atenção para o papel do sujeito na percepção do real, levaram a que se passasse a entender a história como uma construção de modelos explicativos nos quais o historiador tem necessariamente um papel activo e a considerar a memória, não como um mero depósito de experiências, mas como uma constante recriação de significados a partir daquilo que se viveu no passado. [mais>>]

Posted in Notícias | Leave a Comment »